SINJUSC garante descongelamento dos triênios

Direção do SINJUSC em recente audiência com o Tribunal

Mais uma conquista da categoria, mobilizada pelo SINJUSC: descongelamento dos triênios. A decisão foi publicada nesta quarta-feira (20/07) e atende pedido do Sindicato de “cômputo e averbação do tempo de efetivo exercício para fins de licença-prêmio de modo a que também recaiam sobre a concessão do adicional trienal, sem qualquer suspensão/interrupção referente ao período de vigência da Lei Complementar n. 173/2020”.

Luta do SINJUSC encaminha triênios e novo parecer é emitido

SINJUSC nas Comarcas mobiliza pelo retroativo da data-base e triênios

O SINJUSC vinha construindo diálogo com a administração e reforçando que os triênios deveriam seguir o mesmo entendimento das licenças-prêmio, que voltaram a ser computadas e indenizadas (também luta do SINJUSC). A argumentação foi utilizada nas audiências e no pedido formulado pelo Sindicato e deferida pelo Tribunal, que, inclusive, as utilizou para justificar o descongelamento:

“Impõe-se, então, estender os efeitos do que decidido anteriormente
em relação à licença-prêmio para também autorizar o cômputo do tempo de serviço efetivamente prestado pelos servidores deste Poder Judiciário de Santa Catarina, a título de adicional trienal.”

Categoria pressiona e SINJUSC garante: licença-prêmio será computada desde a vigência da LC 173

Várias foram as audiências com o presidente do Tribunal, desembargador João Henrique Blasi e o Primeiro Vice-Presidente, Desembargador Altamiro de Oliveira. Em recente audiência com o presidente do Tribunal, o SINJUSC defendeu a pauta e o magistrado prezou pela defesa do Sindicato, concordando que se há o direito, ele precisa ser pago. Nas palavras do presidente: “não dá pra colocar uma borracha no que foi trabalhado”.

34% DE REPOSIÇÃO EM 2022|

Esse avanço se soma as diversas conquistas do SINJUSC nesse ano de 2022, em especial à reposição da URV (11,98%), que entrou na conta dos servidores também hoje (20/07). Ao somar as três reposições desse ano (data-base 2021 e 2022 e URV), o SINJUSC conquistou 34% de reposição à categoria. O Mesmo percentual foi aplicado nos auxílios creche, alimentação e médico-social.

SINJUSC e categoria mobilizada garantem reposição de 34% nos auxílios

Agradecidos pelo apoio e certos do trabalho bem desenvolvido, o SINJUSC sabe e está acompanhando outras demandas da categoria: plantão regionalizado, retroativo da data-base, aposentados sem paridade, equiparação do médico-social, pagamento das licenças-prêmios aos que se aposentaram durante a vigência da LC 173 (28/05/2020 a 31/12/2021), quebra do limitador, VPNI, combate à violência moral, entre outras, que seguem sendo monitoradas e trabalhadas com o Tribunal de Justiça de Santa Catarina

SINJUSC: Sindicato de luta e de vitórias!

19 Comentários

  1. Parabéns a diretoria e advogados, bem como, aos funcionários do Sinjusc, por mais essa conquista em prol dos trabalhadores. 🤛👏👏👏🥰🥰🙌🙏

  2. Parabéns ao SINJUSC pela incansável busca ao que é justo. A categoria dos servidores está muito bem representada! Viva!

  3. Muito feliz em ver o nosso Sindicato conseguindo tantas e tantas vitórias, com um trabalho muito sério e competente, e agora ainda mais os triênios! Parabéns!!
    A pauta do retroativo da data-base ainda pendente (que, se não me engano, é de 6,76% a ser incorporado) também é outra batalha aguardada por muitos de nós, com certeza, e que, quando conquistada, deverá também ser MUITO comemorada!

  4. Parabéns Sinjusc pela luta, mais um direito nosso reestabelecido. Pergunta para ficar mais transparente: com essa decisão de descongelamento dos triênios, será computado daqui para frente a contagem (mantendo-se o período de suspensão durante o período de pandemia)? No meu caso, eu teria direito a um triênio em 2020 e ficou suspenso, daí como ficará nesse caso?

    • Olá, Rafael. Os pedidos serão analisados pelo Tribunal e eventuais distorções acompanhadas pelo SINJUSC.

  5. Agradeço muito a Deus, por ainda, poder aproveitar o resultado das conquistas, de todos/as colegas que deram, e dão, o melhor de si, ( e aos componentes do Sindicato, (SINJUSC) aos nossos DIREITOS.
    Pois o T J, pôde e pode sempre se orgulhar, dos melhores trabalhos/resultados, conquistados, pelos seus funcionários, que deram o melhor de sí, em prol, a cada pessoa que procurou e confiou na ética e na luta pelos seus direitos.
    Assim como, a luta desempenhada por toda equipe que confiou, pelos meus, e os seus direitos.
    Meu, MUITO OBRIGADA, a todos/as.

  6. Que não se esqueçam dos inúmeros atrasados ainda pendentes… TRIÊNIOS, URV e os 6,67% de maio a dezembro de 2021…. Estamos de olho…

  7. Entendi que o TJ reconhece o tempo mas só incluirá na folha e pagará atrasados quando houver recursos… É isso mesmo?

    • Olá, Alfredo. Caso você tenha se aposentado durante a LC 173 e tinha preenchido o período aquisitivo, há direito!

  8. Obrigada a todos vocês que estão ajudando principalmente aos aposentados. Não só por mim mas Pelo aqueles que estão a míngua. Sei que poderia ser melhor a luta continua.

  9. Parabéns pela conquista. Que nós servidores do MPSC também consigamos que os triênios e as Licenças Prêmio não tenha esta suspensão.

  10. Bom dia, sou TJA da Comarca de Dionísio Cerqueira/SC, gostaria de saber se os aposentados também tem direito de recebem algum benefício? Ou é apenas para os servidores que estão na ativa?Desde já fico agradecida.

    • Olá, Nalú. Se você não recebeu o adicional, tinha direito e se aposentou durante ou após a vigência da LC 173, há o direito. Mas é preciso analisar caso a caso. Se você for filiado, por favor, entre em contato pelo Conecte SINJUSC: 48 9642-6874 (atendimento por whatsapp, somente mensagem).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *