Depois de acabar com a CLT

Com a assinatura do decreto n. 9.262/18, publicado dia 10/01 no Diário Oficial da União (clique aqui para ler íntegra), a mão de Michel Temer apagou 60.923 mil cargos públicos. Não dá para esquecer que são dele também os projetos que congela investimentos em saúde, segurança pública e infra-estrutura pelos próximos 20 anos, o que […]

Ver Mais