SINJUSC oficia TJ e pede ampliação da suspensão do trabalho presencial

Mapa de Risco Potencial por Região de Santa Catarina — Foto: SES/ Divulgação

Diante do agravamento da pandemia no Estado de Santa Catarina, oficiamos hoje (23/02) o Tribunal de Justiça para que amplie a suspensão do atendimento presencial para outras regiões do Estado. Segundo a última atualização, com quinze das dezesseis regiões no nível gravíssimo para a Covid-19, Santa Catarina vive o pior momento da pandemia desde os primeiros registros oficiais no mês de março de 2020.

Na semana passada, o Tribunal publicou a Resolução Conjunta GP/CGJ n. 03/2021 suspendendo o presencial em 27 comarcas do Oeste e Extremo Oeste até 05/03. Também solicitamos que esse  prazo seja estendido para que as regiões conseguiam controlar a contaminação de forma eficaz.

Até ontem (22/02), o Estado atingiu o número mais alto de internações em terapia intensiva (UTI) de toda a pandemia nas redes pública e privada. De acordo com a imprensa, das seis grandes regiões de saúde de Santa Catarina, 5 registram ocupação de leitos adultos acima de 90%. O Estado tem 12 hospitais que atendem pelo SUS com 100% de ocupação.

SC atinge o número mais alto de internações por covid-19 em UTIs públicas e privadas na pandemia

Protocolo de retorno seguro

Novamente, reforçamos o protocolo de retorno que apresentamos no ano passado, sublinhando as matrizes de segurança. O documento foi elaborado com base em estudos de pesquisadores da UFSC. Reveja aqui.

Como bem destacado em diversas matérias do Tribunal, somos os servidores mais produtivos do país – embora aqui exista a necessidade de debater o excesso de cobranças por produtividade (violência moral) -, cabe ressaltar que nosso trabalho é perfeitamente viável de ser realizado de forma remota. Por isso, queremos que nossas vidas e da população sejam preservadas. O home office deve ser priorizado, Já.

Cenários viáveis para retorno presencial

Vacinação Já

No ofício protocolado, também salientamos que é fundamental que haja pressão por conta dos Poderes do Estado para que o Governador efetive de maneira ágil a política de vacinação da população, pois desta forma, todos estaremos aptos a retornar às atividades presenciais de forma segura.

Ferramenta do NSC Total mostra ritmo lento da vacinação contra a Covid-19 em SC

Lembre-se

A transmissão é rápida e não se vê. Proteja-se: use máscara, desinfete as mãos e mantenha distanciamento. Fique em casa, salve vidas.

Quase 80% da categoria sente-se insegura de voltar ao trabalho presencial

Um comentário

  1. Srs. Senadores a única reforma cabível neste momento no Brasil a ref. Política e Ref. Judiciária, que devem dar o exemplo que as vantagens e regalias que usufruem são indignas de de serem usufruídos por esses poderes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *