Sindicato participa de curso sobre impactos da ‘reforma’ da Previdência no serviço público

O SINJUSC participou do curso de extensão Os Impactos da PEC 06/2019 sobre os Servidores Públicos, realizado pela Escola Dieese (Departamento Intersindical de Estudos Socioeconômicos) de Ciências do Trabalho dias 15 e 16 de abril no Sindicato dos Servidores Municipais de Brusque.

O curso tratou dos seguintes conteúdos: o que é Previdência Social, fundamentos legislativos e conceituais; a história dos Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS) e as atuais características; os problemas dos RPPS: mitos e verdades; tendências futuras, inclusive a capitalização da previdência dos servidores públicos; e análise da PEC 06/2019.

As aulas foram apresentadas por Luciano Fazio, consultor previdenciário, especialista em Previdência Social, gestão da previdência complementar e estudos socioeconômicos.

A ‘reforma’ da Previdência apresentada pelo atual governo federal ao Congresso nacional destruirá o sistema previdenciário solidário que existe no Brasil desde 1988. Se for aprovado, quer economizar mais de R$ 1 trilhão tirando dos mais pobres e criar um sistema de capitalização, que deu errado para as pessoas em outros países, como o Chile, e beneficiou somente o sistema financeiro. Todos/todas terão que trabalhar mais e contribuir por mais tempo, recebendo menos na aposentadoria. Veja mais aqui.

Por deliberação de assembleia geral, o SINJUSC é contra o texto apresentado na PEC 6/2019.

SINJUSC, 30 anos na defesa dos direitos dos/as trabalhadores/as do judiciário catarinense! Filie-se aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *