Em Concórdia, audiência debate os impactos da reforma administrativa

O SINJUSC, junto com o Fórum dos Servidores Públicos de Santa Catarina, segue na luta contra a reforma administrativa, se aprovada, trará fortes impactos a toda a sociedade, uma vez que representa a total desestruturação dos serviços públicos. A redução da jornada e dos salários dos servidores públicos, em que a maioria está nos munícipios, tem impacto direto no consumo e economia local, por isso, uma das frente de luta é realizar audiências nas Câmaras Municipais.

URGENTE| Presença no congresso e pressão pelas redes fazem governo recuar e votação da PEC 32 é adiada

Para tratar desse assunto, a diretora do SINJUSC, Ignez Busnello Durgante organizou uma audiência pública na cidade em que reside, Concórdia. O evento ocorre hoje (20/09), a partir das 19h, e será retransmitida pelo Facebook do SINJUSC. O Sindicato dos Servidores do Município de Concórdia e Região (SSMCR) é o apoiador do evento.

NA PRESSÃO| Assine o abaixo-assinado contra a PEC 32/20

“Nos fizemos um amplo debate de divulgação e convite às Câmaras Municipais da região, por isso, espera-se um alcance significativo, sobretudo dada a importância de expor o quanto essa reforma prejudica o serviço público. Se aprovada, significa o desmonte de políticas públicas e com isso, deixa desprotegida toda uma população. Esse diálogo é urgente e necessário. Também objetivamos que essa tomada de consciência se estenda aos vereadores e eles aos deputados federais”, expõe Durgante.

Participam da mesa, os dirigentes do SINJUSC, Neto Puerta e Durgante, a presidente do SSMCR, Mariana Freixiela Hernandez e o vice-presidente do Sindicato Nacional dos Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (Sindireceita), Ronaldo Godinho.

Diga NÃO à reforma Administrativa!

SINJUSC – Sempre na Luta!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *